Critérios de escolha do programa de premiação.

Um corpo de jurados independente analisará e pontuará as indicações por categoria, usando um sistema de classificação de 10 pontos, sendo 1 o valor mais baixo e 10 o mais alto. O julgamento terá duas áreas de foco: impacto nos negócios e inovação. Os pontos atribuídos pelos jurados serão computados em um total geral, que indicará os vencedores. Os jurados atribuirão pontos com base nos seguintes critérios:

  • Impacto nos negócios: a produtividade aumentou? O processo de negócios melhorou? O indicado superou um desafio da empresa com a implantação dos produtos da NetApp®? Isso resultou em uma nova prática recomendada? As operações foram agilizadas?
  • Resultados comerciais: foram conquistados benefícios tangíveis para os negócios?
  • Inovação: a implementação das soluções da NetApp foi inovadora ou resultou em algo inovador?

Prêmio de Inovação da NetApp de 2013 - Jurados

Bill Barnett

William Barnett é professor de liderança de negócios, estratégia e organizações do departamento Thomas M Siebel, da Faculdade de Administração da Universidade de Stanford. Após concluir seu doutorado em Administração de Empresas na Universidade da Califórnia, Berkeley, em 1988, Barnett passou a trabalhar como professor assistente na Faculdade de Administração de Madison, na Universidade de Wisconsin. Em 1991, Barnett ingressou na Faculdade de Administração de Stanford como professor assistente. Ele se tornou professor associado em 1994, foi efetivado em 1996 e passou a professor sênior a partir de 2001. Barnett foi membro, duas vezes, do CASBS (Center for Advanced Study in the Behavioral Sciences) e, hoje, é um dos membros seniores do Woods Institute for the Environment da Universidade de Stanford. Barnett também é editor associado e membro do conselho editorial de várias publicações acadêmicas.

Rich Karlgaard

Rich Karlgaard é editor da revista Forbes, na qual tem uma coluna quinzenal chamada Innovation Rules. Ele também é membro regular da equipe de um popular programa de notícias do canal FOX, Forbes on FOX (com média de 1,2 milhão de telespectadores por episódio em 2012), além de analista convidado frequente do The Kudlow Report, do canal CNBC. O livro de Karlgaard publicado em 2004 , Life 2.0, foi um dos best-sellers de negócios da lista do Wall Street Journal. Karlgaard também é empreendedor, um angel investor ativo e faz parte de três conselhos externos. Por ter sido um dos cofundadores da maior organização de relações públicas do Vale do Silício, a Churchill Club, com 6.500 membros, Karlgaard já recebeu um dos aclamados prêmios "Entrepreneur of the Year Award", da Ernst & Young, no norte da Califórnia. Karlgaard graduou-se na Universidade de Stanford. Ele ministra de 50 a 60 palestras por ano sobre a economia da inovação.

John T. McArthur

John McArthur é presidente da Walden Technology Partners, Inc., onde oferece consultoria estratégica sobre tecnologia, parcerias, aquisições, seleção de equipes de executivos e desenvolvimento de mercados para executivos seniores do setor de TI. Ele também trabalha como diretor independente e membro de conselho para várias empresas de tecnologia da informação em fase inicial.

Antes de fazer parte da Walden, McArthur foi vice-presidente do grupo e gerente geral de infraestrutura de informação e habilitação de tecnologias da IDC, uma das principais fornecedoras globais de pesquisa de mercado de TI, pesquisa de investimentos e serviços de consultoria para usuários finais. Na IDC, ele se tornou um palestrante internacionalmente reconhecido sobre tendências de storage e de gerenciamento de storage e foi um dos principais palestrantes de eventos para usuários finais, investidores, organizações de comércio e treinamento de vendas.

Antes da IDC, McArthur foi executivo da State Street Boston Corporation, uma das principais empresas globais de serviços financeiros, onde gerenciou uma equipe de especialistas de aquisição de TI, com aquisições que excediam US$ 100 milhões anuais. Antes de fazer parte da State Street, McArthur trabalhou como gerente de pesquisa e de operações em bancos, instituições de ensino e empresas do setor de saúde.

James E. Henderson

James Henderson é professor de estratégia e membro responsável pela equipe de gerenciamento de programas e inovação da IMD, uma das principais escolas globais de administração, localizada em Lausanne, na Suíça.

O professor Henderson ajuda as empresas a obterem e manterem suas vantagens competitivas em uma unidade de negócios, uma corporação ou em nível global por meio de programas específicos e personalizados para executivos, da realização de workshops de estratégia ou de aulas ministradas em MBAs e para executivos. Durante sua permanência na IMD (e, anteriormente, na Babson College), ele desenvolveu, disponibilizou e/ou dirigiu programas para diversas empresas de uma variedade de setores, incluindo saúde, tecnologia de ponta, bens de consumo e agências de desenvolvimento econômico.

Seu principal interesse na área de pesquisa está relacionado ao desenvolvimento e à implementação de estratégias em contextos incertos. Tópicos específicos incluem cronograma de investimentos, empreendedorismo corporativo e parcerias estratégicas. O professor Henderson já publicou vários artigos e ensaios importantes sobre cronogramas de investimentos, parcerias estratégicas e empreendedorismo corporativo e desenvolveu mais de 35 casos publicados na IMD, INSEAD e Babson. O professor Henderson integra o Conselho Editorial do Strategic Management Journal. Ele também é coautor de dois livros, Restructuring Strategy, de 2005, e Global Industrial Trends, de 2009.